#3 Carta para a minha irmã

by - segunda-feira, junho 20, 2016



Por onde começar? És a minha miúda. És o meu mais que tudo. Adoro-te sabias? Mesmo quando digo que és chata e que não me apetece aturar-te, porque às vezes és mesmo, e não me apetece mesmo. Mas acima de tudo és alquele alguém que me faz querer ser uma pessoa melhor. Foi por ti que tentei sair do poço para onde saltei. Foi por ter visto as tuas lágrimas e o quanto as minhas ações te fizeram sofrer (apesar dos teus 7 anos à época) que parei. Foi por ti que busquei forças sabe-se lá de onde para recuperar.


Obrigada por tudo, sim? Obrigada pelos abraços que me deste e pelas palavras inocentes verdadeiras que me dirigiste. Obrigada por todas as vezes que me avisas previamente de que as coisas não estão bem ou que estou prestes a tramar-me. Obrigada por me limpares as lágrimas quando preciso e por tentares resolver do que podes as minhas merdas. Obrigada porque sei que apesar das nossas discussões e zangas vais lá estar sempre para mim. Obrigada, porque sei que não vou morrer sozinha.

Desculpa o resto. Desculpa quando me chateio, quando sou chata, quando discutimos, quando sou demasiado preuiçosa, quando simplesmente não tenho paciência para te dar atenção. Desculpa as minhas falhas como irmã e como pessoa.

Mas acima de tudo desculpa porque não estou a conseguir evitar que aconteça contigo tudo aquilo que aconteceu comigo. Desculpa porque não consigo fazer a mãe acreditar em ti, da mesma maneira que não a consegui fazer acreditar em mim durante 6 anos. Desculpa.

Mas acima de tudo adoro-te. Adoro-te mais do que qualquer outra pessoa, e sei que nada vai nunca mudar isso. És linda. Adoro o teu cabelo. E adoro as fotos que te tiro quando não estás a ver. Adoro sobretudo a tua capacidade impressionante de me aturares quando estou de mau humor.

Adoro-te, okay? E nunca deixes que alguém te faça duvidar do teu valor, e se duvidares... bem, se duvidares vem ter comigo, para eu te acordar para a realidade, para te mostrar a pessoa fantástica que tu és, porque tu não sabes, mas salvaste-me a vida. Salvaste-me de mim mesma, quando ningiém viu que eu estava em perigo. E por isso tudo só te tenho a agradecer.
Um beijão,
da tua irmã fantástica!

You May Also Like

1 comentários

  1. Esse é dos melhores elogios que posso ouvir. OBRIGADO <3
    E sim, acredita que é verdade. Não faço fretes e, o que não recomendo para mim, não recomendo para os outros. É uma base muito boa, de facto. Se não te sentes tanto à vontade quanto isso ou tens dúvidas pede ajuda a quem estiver na lojas. Elas, mais do que ninguém, têm obrigação de te ajudar :)

    Não conhecia este género de desafios mas parecem-me muito bons. Deu para ver que tens imenso jeito para escrever e que me fascinou imenso. Só por isso já te sigo <3

    Grande beijinho e continua <3

    NEW REVIEW POST | Yongnuo: Camera Lense 50mm for Canon.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar