ACMA | Ambição

by - quarta-feira, dezembro 20, 2017




Após alguns meses afastada, decidi voltar ao projeto A Cultura Mora Aqui. Basicamente este é um projeto maravilhoso coordenado pela fantástica Ju (do blog Cor Sem Fim) e que todos os meses nos desafia a escrever sobre um novo tema. Normalmente são temas que nos incentivam a sair da zona de conforto, a refletir, e a fugir à norma de post "comercial" que cada vez mais se encontra na blogosfera. Para saberes mais sobre este projeta entra em contacto pelo facebook ou pelo e-mail acma.cultura@gmail.com.

O tema escolhido para este último mês de 2017 foi AMBIÇÃO. Como tal decidi primeiramente ir pesquisar qual o significado da palavra no dicionário priberam e eis o resultado:


Ou seja, ser detentor desta qualidade, de ambição, tanto pode ser encarado como algo positivo como como algo negativo. Do meu ponto de vista o que distingue o positivo do negativo é a medida em que se utiliza a ambição e a maneira como pretendemos alcançar os nossos objetivos.

E como sou uma apaixonada pelos filmes da Disney decidi ilustrar estes dois tipos de ambição com personagens destes filmes intemporais.

1. AMBIÇÃO = AVIDEZ, COBIÇA
|| Cruella de Vile (101 Dálmatas) || Ursula (A Pequena Sereia) || Governador Ratcliffe (Pocahontas) ||
|| Mãe/bruxa (Entrelaçados) || Madrasta/bruxa (A Branca de Neve) ||

Escolhi estes vilões para representar a avidez e a cobiça da ambição de algumas pessoas. Qualquer um destes personagens estava disposto a tudo para alcançar o seu objetivo:
  • Cruella mataria quantos dálmatas fossem necessários para fazer o seu casaco;
  • A Ursula quer para si a voz de Ariel, força-a a assinar um contrato e faz tudo quanto pode para que esta não consiga beijar o príncipe (e Ariel recuperaria a sua voz);
  • Governador Ratcliffe quer enriquecer e está disposto a escravizar os índios nativos da região, destruir a floresta e matar todos os que se lhe opuserem;
  • A bruxa que rapta Rapunzel e a que esta reconhece como "mãe" aprisiona-a há 18 anos para gozar dos poderes mágicos do seu cabelo que lhe concedem a juventude eterna;
  • A madrasta de Branca de Neve ambiciona ser a mais bela e quando o seu espelho lhe responde que a mais bela é Branca de Neve esta manda um caçador matá-la e trazer-lhe o seu coração como prova.
Infelizmente não é algo que  apenas dos filmes da Disney e nem sempre o problema se resolve. Este tipo de ambição leva-nos a não querer saber quem prejudicamos e magoamos desde que consigamos ver a nossa ânsia de sucesso, poder e reconhecimento saciada.

Muita atenção pessoal, ninguém quer sair prejudicado por estas pessoas, por isso certifiquem-se de que não se tornam nessa pessoa também. Não tem mal querer enriquecer, ser mais bonito, parecer mais jovem, ter mais poder, desde que para isso não tenhamos de espezinhar todos os que estiverem no nosso caminho.

2. AMBIÇÃO = ASPIRAÇÃO
|| Vaiana (ou Moana) || Mérida (Brave Indomável) || Simba (O Rei da Selva) || Rapunzel (Entrelaçados) || Mulan (Mulan) ||
Desta vez, a ambição destes personagens é algo positivo, uma força que os move, algo maior que pretendem alcançar para um bem maior. Uma causa nobre até, se quisermos ver as coisas dessa maneira:

  • Vaiana ambiciona encontrar a ilha lendária e ultrapassa todos os obstáculos para o conseguir;
  • Desde o início da história Mérida revela-se uma personagem ambiciosa ao querer demonstra que não é por ser mulher que é menos que os homens. Apesar de ao longo da história o objetivo se alterar, a ambição mantém-se;
  • Simba ambiciona recuperar o seu lugar como rei da selva e afastar do poder o seu tio que aterroriza todos;
  • A ambição de Rapunzel é tão simples como querer ver as lanternas serem lançadas para o céu, não fosse ela estar aprisionada numa torre e ter medo do desconhecido mundo exterior, acabando por vencer esses medos e ajudando todos no seu caminho;
  • Mulan consegue tornar-se num dos melhores guerreiros do exército Chinês e salvar o imperador.
Claro que, mais uma vez, a vida não é como nas animações da Disney e nem tudo nos é tão fácil como nos filmes mas eu ainda sou das que acredita que com muita garra, determinação e um bom coração tudo é possível. 

You May Also Like

0 comentários